Reportagens

Arquitetura

Rústico-atual, um estilo de vantagens


Contemporânea por fora, acolhedora por dentro. O projeto tira partido de materiais brutos e "pegada" moderna, sem exageros


Por Leonardo Valle Fotos Pedro Stoeckli

 


A natureza pautou a construção dessa casa em Brasília (DF) do começo ao fim. Encantado pela quantidade de árvores do terreno, o proprietário – que é biólogo – aceitou que a residência fosse disposta diagonalmente no lote para não interferir na vegetação. “Além disso, usamos materiais rústicos, como cimento queimado, vidro e piso de tijolo maciço”, relata Paula Farage, arquiteta do escritório Quinta Arquitetura, Design e Paisagismo.

Tijolos ecológicos
A terra do terreno foi aproveitada na fabricação dos tijolos usados na alvenaria. “Alugamos a máquina, que funciona como uma prensa, com uma empresa especializada. Os tijolos precisaram de apenas um mês para ficarem prontos, enquanto isso, a fundação da casa era executada”, revela a arquiteta. A medida barateou a obra: cada unidade custou R$ 0,20, contra R$ 0,75 do tijolo aparente cozido, cotado pelo proprietário na ocasião.



 

Deixe toda a luz entrar
As paredes de vidro garantem uma sala bem servida de iluminação natural e ainda possibilitam aos moradores a contemplação da beleza do entorno. “São de vidro temperado por razões de custo e emolduradas por madeira”, explica a arquiteta Veridiana Goulart, que também assina o projeto. As molduras que contornam as paredes aparecem também de rodapés e tabeiras junto ao piso de cimento queimado.

 

 

PÁGINAS :: 1 | 2 | 3 | Próxima >>

Festa Viva Assine Casa & Construção Assine Festa Viva Assine Decora Baby